Alta de preços da indústria é a maior da série histórica do IBGE

Os preços da indústria subiram 3,03% em relação em setembro, frente a agosto e atingiu a maior alta da série histórica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que teve início em janeiro de 2014.

O Índice de Preços ao Produtor (IPP) das Indústrias Extrativas e de Transformação mede a evolução dos preços de produtos “na porta de fábrica”, sem impostos e fretes.

No ano até setembro, o avanço acumulado é de 7,80%, contra 4,63% em agosto. O acumulado em 12 meses foi de 9,44%, contra 7,27% em agosto.

Entre as 24 atividades das indústrias extrativas e de transformação pesquisadas pelo IBGE, 22 apresentaram variações positivas de preços.

Os avanços partiram de bens de capital (2,92%); bens intermediários (3,73%) e bens de consumo (1,91%).

Fonte: Portal G1

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *