Em 22 anos, Disque Denúncia recebe mais de 2,4 milhões de informações

Em 22 anos, o Disque-Denúncia já ultrapassou a marca de 2,4 milhõesdenúncias cadastradas. Destas, 19.312 foram recebidas por meio do aplicativo Disque Denúncia Rio –disponível para celulares – lançado em2016. Somente no primeiro trimestre deste ano, 26.528 denúnciassobre diferentes crimes cometidos em todo o estado do Rio de Janeiro foram recebidas pelo Disque-Denúncia.

As informações recebidas nos primeiros três meses do ano ajudaram nas operações de combate ao roubo de cargas. Foram recuperados mais de R$ 365 mil em mercadorias.

Nos últimos três meses, as informações repassadas pelo Disque-Denúncia à polícia resultaram na apreensão de seis armas – entre revólveres, pistolas, espingardas e réplica de pistola ; 48 munições e cinco carregadores; além de nove radiotransmissores. Além disso, 13veículos foram recuperados – três carros, quatro motos e seis caminhões. Também foram recuperadas quatro retroescavadeiras, usadas por criminosos para fazer barricadas de concreto com a finalidade de dificultar a ação da polícia nas comunidades no combate ao crime organizado.

Ainda por meio de denúncias, foi possível realizar 22 prisões e 23 autuações. O montante em espécie encontrado com os criminosos somou R$ 6,4 mil.
 

As operações policiais, munidas de informações repassadas por meiodas denúncias, resultaram na apreensão de 72 máquinas de caça-níquel. Equipamentos de som também foram recuperados pela polícia, após informações repassadas pelo Disque Denúncia. Foram 16 caixas de som e seis amplificadores.

As denúncias podem ser feitas por meio da Central de Atendimento (21) 2253-1177, pelo Linha Verde (0300) 253-1177 – programa exclusivo do Disque Denúncia para recebimento de denúncias sobre meio ambiente –, além do WhatsApp do Portal dos Procurados (21)98849-6099 e do aplicativo para denúncias Disque Denúncia RJ, disponível para celulares.

Fonte: Agência Brasil

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *