Presos serram grades, escalam muro com ‘teresa’ e dois escapam da Cadeia Pública de Mossoró

Dois presos escaparam na madrugada desta segunda-feira (15) da Cadeia Pública de Mossoró, na região Oeste potiguar. Segundo a direção do presídio, os detentos serrarem grades de três celas do bloco 2, quebrarem um combogó que dá acesso à quadra e conseguiram escalar o muro da unidade com a ajuda de uma ‘teresa’ – espécie de corda feita com lençóis emendados.

Os dois detentos que conseguiram fugir foram identificados como Mairton Vitorino dos Santos, natural de Fortim, cidade do Ceará, preso por assaltos e tráfico de drogas, e Marcos Alexandre Januário da Silva, que é natural de Mossoró, preso por crime de trânsito, porte ilegal de arma e desobediência à Justiça.

“Graças à agilidade do guariteiro, um policial militar que percebeu a movimentação, não tivemos uma fuga em massa”, ressaltou José Fernandes, diretor da cadeia.

“Quando viu o que estava acontecendo, o PM efetuou disparos de advertência. Isso chamou a atenção da equipe de plantão e os agentes penitenciários que trabalham na unidade conseguiram intervir rapidamente. Três detentos foram pegos ainda na quadra. Infelizmente, no entanto, dois conseguiram escapar”, acrescentou.

Impedidos de deixarem o presídio, os três internos foram levados para a delegacia e autuados por dano ao patrimônio público.

Ainda de acordo com José Fernandes, a Cadeia Pública de Mossoró possui atualmente 312 detentos. A capacidade, no entanto, é para 142.

Fonte: Portal G1

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *